Manha, não foi deus que inventou!

Sério minha gente, não foi deus que fez a manha! Isso é coisa do cramulhão/satangôs/inimigo kkkkkkkk

Como pode uma criança de 1 ano e quase meio, ser tão manhoso?

É manha para trocar fralda, manha para dormir, manha para comer, manha para brincar e manha só para fazer manha mesmo!

Se trocar fralda fosse um game, atualmente, nós estamos jogando nível HARD > EPIC… Nico parece uma minhoca. Escorrega daqui, puxa braço, segura perna, tenta arrancar a fralda cheia de cocô, brinquedo algum faz ele ficar quieto no trocador. E quando somos mais firmes com ele, pronto… THE MANHA NEVER ENDS.

Eu sei que os bebês aprendem fácil as coisas, seus cérebros são esponjas sugadoras de conhecimento, mas como ele aprendeu a se jogar no chão chorando? Eu nunca fiz isso (na frente dele kkkkkkkkkkk). Quando esta no colo e é contrariado, parece um golfinho se jogando para trás, na confiança de que vamos segura-lo.

A manha possui outros significados, como por exemplo a “manha do gato“, ou seja, destreza, jeito desenvolto, pode também ser sinônimo de malícia, esperteza, macete e etc. Entre todos esses significados para o signo MANHA, o que mais me chama atenção é a esperteza, como eles aprendem que com manha é capaz de se conseguir TUDO, ou quase tudo?! Eu sou vacinado contra a manha, mas, as vezes, nem eu aguento.

Fala a verdade, você também já fez manha, eu ainda faço até hoje… não tenho mais a minha mãe em casa, para me mimar quando estou com gripe, o menor sinal de um resfriado já era garantia de bajulação kkkkkkkkkk Agora tenho minha esposa, que já é vacinada contra as minhas manhas, mas, as vezes funciona! Eu entendo que é uma fase do desenvolvimento e tal, que o bebê ainda não fala então ele tem que chorar todas as vezes que é contrariado e tal, mas que enche o saco, enche! Sério… as vezes dá vontade de dar uns sacodes no Nico, uns pedalas, mas aí eu paro, penso e não faço. Sei que qualquer hora, um tapa ou outro eu vou acabar dando nele, mas, acredito que ainda é cedo. Creio que se eu bater nele, estarei mais saciando a minha vontade de descontar a manha dele e aliviando meu stress, do que ensinando algo para ele. MAS QUE DÁ VONTADE, OHHH SE DÁ… kkkkkkkkkkk

Não, não foi deus quem criou a manha… foi o dimbas!

 

E vocês? Como lidam com a manha dos pimpolhos?

 

Bjss e até mais!

4 comentários em “Manha, não foi deus que inventou!

  1. Deixo no chão, chorando e esperneando o quanto quiser (fico olhando de lado pra ele não perceber que estou olhando) e quando vejo que melhorou dou bronca e converso como se ele entendesse cada palavra xD Ele se recusa a falar quando quer algo também, fica só apontando… daí eu mostro a coisa que ele quer e repito o nome até ele dizer algo semelhante (sempre sai enrolado), ele faz aqueeeeela birra mas logo tenta falar :)

    Boa sorte com o Nico, Bruno! E Naty, boa sorte com os dois kkkkkk

  2. Parceiro, aprender a lidar com a manha é só na prática mesmo. Li dezenas de livros esperando aprender a tratar com a manha quando chegasse a hora. Ok, não vou me estressar, vou ignorar, vou abaixar à altura dele e falar calma e firmemente que o comportamento está errado. Aí vem a manha de verdade (não a dos livros) e tudo aquilo ali parece bullshit.
    Primeiramente que é impossível não se estressar e nem perder o controle do tom de voz quando a reina é daquelas caprichadas. Às vezes o nível de estresse é tanto que você perde o controle e acaba dando umas palmadas que, de fato, doem muito mais em você do nele. Esta dor tem duas causas: a da tristeza de ter sido violento com a pessoa que vc mais ama no mundo, e a frustração de não conseguir ser o pai perfeito que os livros apresentam como sendo tão simples.

    Com o tempo vc vai aprendendo a evitar a manha e a lidar com ela também. Realmente vc aprende a ignorar, a conversar de maneira civilizada com aquele serzinho escandaloso, a controlar sua raiva. Mas é na prática, é após sentir no coração como tudo isso funciona.

    Agora, só uma última opinião. Na verdade eu também pensava que a reina fosse apenas dificuldade de comunicar seus desejos, mas não. É dificuldade em lidar com a frustração, com a perda, com a saída da zona de conforto, e infelizmente isso leva um pouco mais de tempo. O bom é que quando ele aprender a se expressar melhor, pelo menos você saberá o motivo da manhã e terá a chance de atuar mais diretamente na causa pra resolver o problema cedo, mas acabar não acaba.

    Parabéns pelo excelente texto.

    1. Querido Edu,

      Obrigado por mais um comentário pertinente. E sim, é realmente frustrante não o ser pai perfeito que os livros vendem por ai. Já estou começando a adquirir bagagem de manha. Dia desses, Nico começou a chorar e se jogou no chão, eu levantei, passei por cima dele, fui até a mesa, peguei a chupeta dele, coloquei do lado do colchonete que usamos na sala de estar e dei um livro para ele, a manha continuou com gritos ainda mais ardidos. Fingi não escutar, Nico então pegou o livro, abriu, colocou a chupeta na boca e adormeceu sozinho com o livro nas mãos…. fim de papo. 1×0 papai! kkkkkkkkkkkkkkkkk

      Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *