Feira de Troca de Brinquedos

Criança adora brinquedo novo, isso é um fato. Mas o novo das crianças não é o nosso novo. Logo pensamos em embalagem de presente, boleta de cartão de crédito grampeado no cupom fiscal, a criança sorridente saindo da loja de brinquedos e etc… Não meus caros amigos, o novo das crianças é o puro significado da palavra.

Em casa nós fazemos rodízio de brinquedos, para ele já entender como é morar em SP (onde tem rodízio de trânsito kkkkk), brincadeiras a parte, o rodízio serve para que ele volte a ter interesse por seus próprios brinquedos. Ele ainda tem brinquedos fechados do seu primeiro aniversário, pois ainda não vimos a necessidade de abri-los. As crianças se interessam na mesma velocidade que perdem esse interesse pelas coisas. Hoje ele ama a Galinha Pintadinha, amanhã não suporta ver a imagem dela no youtube… Nico ganhou alguns brinquedos no seu último aniversário, barulhentos, iluminados, até robô ele ganhou… mas sua atenção atual é uma baqueta roxa que ganhou junto com um tambor (que ele não da a mínima) e uma bola surrada da galinha pintadinha.

Ele ganhou vários brinquedos de faixa etária 3+, mas ele tem 2, pode parecer pouco, apenas um aninho, mas nessa fase da vida um ano é MUITO TEMPO! Sendo assim, nós “censuramos” parte dos brinquedos, retiramos os pequenos acessórios para evitar qualquer tipo de complicação futura, seja engolindo o objeto ou se ferindo caso tivesse alguma queda com o brinquedo na mão.

Mas voltando ao assunto do post, que tal ao invés de comprar um novo brinquedo, você trocar o seu por um NOVO brinquedo!?

Você deve estar se perguntando, que merda ele está falando (escrevendo)?!

No SESC POMPÉIA, vai rolar a feira de troca de brinquedos, veja a descrição do evento:

“Sabe aquele brinquedo ou livro com o qual ninguém na sua casa brinca mais? Ou aquele brinquedo muito importante na sua história e que você queria que fosse para algum lugar especial? Então, traga para o Sesc Pompeia! Teremos um espaço especial para que você possa mostrar o seu brinquedo e também ver os brinquedos que fizeram parte da história de outras pessoas. “

Se estiver por perto, aparece por lá. Será DIA 27/07 (Domingo) das 15h ás 18h. E o melhor é grátis! rs

Leve alguns brinquedos e tente trocar por algo NOVO! E já aproveita e dá um pulo na ludoteca e jogue algo com sua família!

Bjs e boa semana!

 

Sesc Pompéia

Endereço: R. Clélia, 93 – Vila Pompéia, São Paulo – SP

Telefone:(11) 3871-7700

Leia Mais

A fala e a educação

fala

Após se segundo aniversário, Nico está desenvolvendo rapidamente sua fala. Já até cantarola algumas músicas, dentre elas o “Cai cai balão” e o “Brilha, estrelinha brilha…” Que já estão me dando dor de cabeça de tanto ouvir kkkkkkkk

O menino não pode me ver quieto que já vem “Cai cai, papai…” ou com sua voz fininha e desafinada “Bida biiiiiiidaaa” só não aprendeu o estrelinha ainda kkkkkkkk É muito engraçado ele assistindo a desenhos educativos, ontem peguei ele falando “A, E, I, O, U” junto com o desenho. Mas ele adora mesmo são as músicas, meche a cabeça, faz movimentos lentos com as mãos, rodopia sem parar, um aspirante à dançarino. 

Tudo que explicamos para ele é entendido, porém, muitas vezes é acompanhado pelo “humm”: Nico sai daí. Hum? Nico sai daí filho. Hum? Nicolas sai daí agora! Hum?! Bidaaa bidaaaaa papai? kkkkkkkkkkk  ¬¬

Optamos(sim, pq tem gente que educa na paulada msm…rs) por educá-lo sem violência física, vez ou outra rola um tapinha na mão, mas não mais que isso. Ele tem uma “poltrona do pensamento”. Quando faz algo errado, pela segunda ou terceira vez, ele vai para a “poltrona do pensamento” e fica lá por 1~5 min sem brinquedos, quando ele fica de saco cheio do castigo, coisa de 1~2 min depois, ele começa a nos chamar e tenta nos “ganhar”, não entendeu!? Exemplo: Naty o coloca de castigo, daí ele me chama “papai, óh a mamãe óh” e o contrário quando eu o coloco. Ele é bem ligeiro, mas nós (ainda) somos mais. Temos bem fechado a nossa maneira de educá-lo, não nos contradizemos e sempre conversamos longe dele sobre o assunto.

Até o momento a poltrona esta funcionando, quando pela segunda vez ele joga a água no chão da sala com caneca nós perguntamos “Nico você que ficar de castigo?” de imediato ele respondo “não não” e balança a cabecinha safada dele! rs

A cada dia que passa ele aprende novas palavras, novos meios de comunicação e se aproxima da nossa linguagem. Sinto-me feliz e ao mesmo tempo triste, ser pai também é confuso! Pois quanto mais ele se desenvolve, mais ele se afasta da inocência que o faz tão puro e se aproxima de nós adultos.

Leia Mais