Hemograma, fezes e urina

Se você leu o o título e já torceu o nariz, você nunca trocou uma fralda! kkkkkkkkkkkkk 

A pediatra solicitou exames de rotina para o Nico. Como um pai prestativo e muito correto, fiquei quase três meses com os papéis e não fiz os exames, “já é quase novembro, tem o feriado aí, o Nico esta bem, os exames são apenas para rotina e tal…“.

Após o ano novo, por sinal, FELIZ ANO NOVOOOOOOO MEUS QUERIDOS(AS) ^.^, não tinha mais nenhuma desculpa para não fazer os exames. Decidi então marcar os benditos e encarar o temido JEJUM. Oito horas de absoluto jejum, foi o que a enfermeira me orientou. Nico ainda não dorme nos horários convencionais, já fiz de tudo, rotina, música, poema e nada funcionou, enfim, Naty virou a noite com o Nico com fome e irritado, e eu encarei os exames no dia seguinte.

Eu tinha pesquisado em casa, que o jejum poderia ser feito apenas por 6h ou um pouco menos, por se tratar de um bebê. Oito horas de jejum são para exames específicos, além de ser desumano com um bebê que mama no peito.

Chegando no hospital, fomos rapidamente atendidos. Nico estava tentando furtar a mamadeira que estava dentro de sua bolsa, o bichinho estava faminto. Brinquei com a atendente dizendo “será que vai demorar para fazer o exame de sangue? Porque já já ele vai conseguir pegar a mamadeira da bolsa”, após rir ela me falou “pode dar o mama para ele, tem problema não… hemograma não necessita de jejum”, respondi “na dúvida, ele ficará em jejum até fazer o exame, vai que o procedimento muda até eu entrar na sala”, até o Nico riu.

Após o Nico fazer amizade com duas crianças que estavam na sala de espera, oferecer bolacha ou “lacha” como ele diz, para todas elas, fomos chamados. *No fim do texto conto o que aconteceu nessa hora… rsrs.

Já havia colhido as fezes em casa e colocado na porta da geladeira, clássico! Então só era necessário recolher a urina e o sangue.

Pensava que a urina era recolhida da maneira mais impossível, bebê sem roupa e pai ou mãe com o potinho aberto aguardando o momento do xixi, mas não foi bem assim não, graças a deus kkkkkkkkk Após limpar o pintinho do bebê, eles colocam um saquinho que encaixa no bilauzinho. Super prático e a fralda ainda ajuda a segurar.

Paediatric_Urine_Bag

Saindo da sala dei um combo líquido no Nico, mamadeira, água e suco! Em dez minutos saímos do hospital com tudo coletado e sem fome. Passamos no sacolão, compramos as frutas que o Nico mais gosta e comemos pastel. Chegando em casa ele ficou me mostrando sua cicatriz de guerra, o pequeno furo que a enfermeira fez em seu braço para coletar o sangue. Que por sinal foi em um minuto, segundo a moça, Nico tem ótimos veias. kkkkkkkkk

Nico e o suco de laranja

Um sufoco! Mas que esta no pacote da paternidade.

 

*Só para compartilhar um momento hilário com vocês. Minha sogra “viciou” o Nico em bolachas que tem mais sal e sódio do que qualquer outra coisa, como medida de segurança, proibimos as “lachas” salgadas e/ou com recheio, ele ainda é muito novo para comer essas merdas. Nós ganhamos uma bolacha natural (menos pior que as anteriores), com gergelim, cereais, sem sódio e etc. No dia do exame, essas bolachas que estavam na bolsa. Nico ofereceu/distribuiu para as crianças, que após a primeira mordida entregaram para os pais dizendo em alto e bom som “que bolacha ruim, gostei não… ecaaa” kkkkkkkkkkkkkkk Os pais me olharam sem graça e eu apenas sorri, para não gargalhar, ohhh saia justa! 

E vocês!? Já fizeram esses tipos de exames com seus filhotes?

 

Bjss e boa semana!

Leia Mais

Reabrimos a porteira dos bebês!

Tenho uma afilhada de sete anos, linda, comunicativa e adora rosa, ela foi a primeira bebê do grupo de amigos, a porteira foi aberta, mas anos se passaram e ninguém mais teve bebê, fechou-se a porteira. Após quase 6 anos, Naty e eu tivemos o Nico e em seguida um… dois… TRÊS casais amigos ficaram grávidos com diferença de poucos meses, a porteira foi arrancada por um caminhão russo em alta velocidade kkkkkkkkkkkk.

Como ainda não pensamos em ter outro bebê, estava com medo do Nico não ter muitos amiguinhos em sua infância e eu não moro num bairro muito bom para deixar o moleque brincando na rua, mas o medo passou, pois “primos” é que não faltarão! Daqui alguns anos nossos encontros, que já são animados porque falamos muita merda, jogamos poker, discutimos sobre OVNIS, conspirações, política moderna, memes e afins, estará lotado de crianças correndo, gritando, brincando e brigando, interagindo umas com as outras… Uma nova geração de amigos, fruto da continuidade das nossas amizades. Pode ser pouco para muitos, mas para mim é algo muito lindo. Atualmente manter uma amizade é muito difícil, eu digo uma amizade de verdade mesmo, não coleguismo de internet, mas AMIZADE.

Engraçado as mães e pais amigos, curiosos, temerosos, assim como Naty e eu éramos (e ainda somos… rs), nos perguntam coisas que vão além do nosso raso conhecimento sobre o assunto, mas mesmo assim tentamos ajudar, hoje é tudo mais fácil pois temos o google como aliado, se bem usado é lógico, além de livros, blogs especializados, avós supersticiosas. É gratificante ver seus amigos homens, alguns bem aloprados, crescendo como pessoa. A mulher se torna mãe na gestação há de fato um crescimento interno e externo hahaha, mas para o pai é muito diferente, mas não deixa de ser uma “gestação” também. Em minha opinião, um pai nasce junto com o bebê e cresce junto, antes disso somos apenas homens cumprindo papel de marido, mas a paternidade acontece mesmo quando vemos o bebê ali na nossa frente chorando, com fome, com cólica, pediatra, paciência, noites mal dormidas e etc… E quando digo pai, não me refiro a quem gerou o bebê, mas sim a quem faz o papel paterno um avô, um tio, um padrasto e etc. Óbvio que cada caso é um caso, sei que existem pais que trabalham muito, tem pouco tempo e etc… eu preferi abrir mão de algumas coisas, para ser um pai presente, quero fazer parte da educação do Nico, não concordo com esse papo que quem educa é a mãe… mas foi o que eu disse, essa é a minha opinião. Adoro poder dar banho nele, servir o jantar, brincar, ver Cocoricó junto dele e etc, isso não me faz menos homem, pelo contrário me faz mais pai. Para mim essas coisas não tem preço, daqui um tempo volto para minha área e pau no gato, mais esses primeiros anos são tão importantes para o desenvolvimento da criança que não acho justo comigo e nem com ele eu não participar. 

Já ouvi alguns “eu não me vejo como pai de ninguém” e digo que essa insegurança é normal, faz parte da conscientização da paternidade. Ontem mesmo falei com um casal sobre as preocupações que os esperam… Quarto do rebento, decoração, plano de saúde, mobília, carrinho, chá de bebê, vacinas pagas e etc, depois que voltaram do coma (brincadeira) expliquei que muita coisa deve ser feita, porém cada minuto investido, cada centavo gasto, cada vez que abrimos mão de algo pelo nosso filho vale a pena!

Deixo aqui meu apoio à estes casais que tanto amo, que seus bebês venham com saúde e junto com eles uma imensa quantidade de felicidade e alegria para cada uma dessas famílias. E deus nos dê paciência, porque daqui uns 3~4 anos nossos encontros serão pura gritaria kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

 

=P

Leia Mais

Reforma com bebê, nada a ver!

UM TERROR!

 

Reformar a casa com bebê morando é TENSO! Poeira que não acaba mais, cheiro de tinta, areia, cimento e cal por toda a casa, dormir em cômodos “novos”(cozinha, sala de jantar e etc.)  e em colchão de solteiro, meus gatos estão parecendo estátuas de tanto pó e tinta kkkkkkkkkkkkkkkkkkk Enfim foram quase 3 semanas de tensão, porém, recompensadora. A casa esta ficando mais o nosso estilo, cores, pôsteres, action figures e etc.

Depois dessa experiência(que ainda não terminou), achei legal dividir algumas coisas que aprendi nessa aventura paterna, dicas e opiniões minhas, pode discordar de buenas! Ai vai as dicas para os pais que não tem grana para ficar num Hotel 4 estrelas por 15 dias+++  kkkkkkkkkkk

 

– INALAÇÃO com soro fisiológico, pelo menos 3x ao dia para o bebê e todos os outros moradores da casa.

– Paciência com os pedreiros, pintores e ajudantes que estão ali trabalhando e não tem culpa que você esta ali VIVENDO.

– Desapego com a limpeza (não me entendam mal, banho é bom e todos devem tomar todo dia kkkkkkkkkk) poeira de makita(máquina que corta piso, azulejo, madeira e etc… depende da serra)  é quase impossível de não invadir sua casa inteira, então não adianta fazer nada, o que pode ser feito é a colocação de cobertores nos batentes das portas, para AMENIZAR a poeira e o barulho da makita e das marretadas, pois reforma que é reforma tem que ter MARRETA… rs

– Estratégia: Fale com seu pedreiro para começar e finalizar cômodo por cômodo, de preferência ao quarto onde dorme o bebê, para evitar sair muito da rotina, deixe as áreas de menor necessidade por último, por exemplo, entre a cozinha e o quartinho dos fundos, peça que a cozinha seja terminada primeiro.

– Acostume seu bebê com os “novos” barulhos, na primeira vez que o pedreiro começar a barulheira, brinque com seu bebê, faça-o rir, mostre a obra para ele, pois num próximo barulho ele “saberá” que é algo normal e não ficará tão assustado.

– Não mude a alimentação, continue dando a papinha e o leite nos horário como de costume, evitando que o bebê fique estressado. Caso ele goste de algum desenho, já o deixe baixado no note/tablet/celular para casos de urgência… kkkkkkkkkkkkk Uma galinha pintadinha não faz mal a ninguém.

 

Caso eu lembre mais alguma coisa, que na minha opinião seja útil de compartilhar eu posto nos comentários deste post.

E você, já passou por algo parecido, conta ai! Se tiver alguma outra dica, compartilhe nos comentários. =D

 

Abs

Leia Mais

Atualizações Rapidinhas #1

Atualização blaster master mega super rápida das novidades:

 

> Nico esta quaaaaaaaaase engatinhando.

> Os 2 dentes de cima estão visíveis.

> Ele começou a falar “Mâmâmâmâ” quando ele quer a mãe dele… rs

> Descobrimos que ele gosta MUITO de música, qualquer desenho que ele assiste se tiver música prende a atenção dele, caso contrário, ele prefere enfiar o dedo no nariz(nova mania dele) ou apontar os pontinhos pretos que tem em seu carrinho de joaninha.

> Está com 73 cm e pesando quase 8,5 quilos. Mês que vem teremos que trocar a cadeirinha do carro ( MEEEEEEEEEERDA ¬¬).

> Em sua última visita à pediatra, ele chorou e pediu colo para ela, sim para a médica, ficou 5 minutos  pelado no colo da doutora… rs

> Há uns 15 dias, teve uma gripe fudida forte, muita febre, tosse, mas já está 100%. Obrigado aos padrinhos pela força que nos deram nesse final de semana interminável. Ai que está a importância de padrinhos presentes na vida do seu bebê.

> Ele esta aprendendo a interagir com 2 ou mais brinquedos, tipo colocar um brinquedo dentro do outro e balançar, ou usar um brinquedo para bater em outro.

> Estamos iniciando a batalha para organizar seu horário, sendo assim, não sairemos de casa pelo próximo milênio… hahaha… Pelo menos pelo próximo mês, vamos tentar manter a rotina com poucas mudanças, para ver se dá jeito em nosso Corujinha… rs 

> ELE AMA os gatos, foram eles os responsáveis por fazer o Nico querer engatinhar, Naty e eu gritando, jogando brinquedos, fazendo malabares, pirofagia e etc… nada ele dava atenção, dai um gato passava correndo em cima da cama, ele “corria” atrás… rs… Coitado dos gatos quando ele aprender a andar MUAHAHAHAHA.

> Estamos começando a planejar seu aniversário de 1 ano… Vou me sentir os meus pais falando isso, mas enfim… COMO PASSA RÁPIDOOOOOOO ( isso é realmente verdade! Aproveitem ao máximo, igual fizemos, fiz tanto isso que nem o TCC que tenho que entregar em 2 meses comecei a fazer ainda… to fufu!).

 

Um excelente feriadão para todos os pais e mães de plantão! Aproveitem para dormir até tarde(se o pimpolho deixar… é claro) e depois dar aquele rolê no parque, comer fora de casa, sei lá, saia da rotina!

Bjss

 

=D

Leia Mais

Hora de descer o berço

Moramos em uma descida que liga um bairro à outro, lógico que existem outros caminhos para ir de uma bairro ao outro, porém a rua onde moramos é uma espécie de “atalho” para ônibus, caminhões, carros possuídos por satanás…rs … e afins…

Sério gente, é o dia inteiro freadas e a casa chega a tremer quando um caminhão carregado passa nos buracos sortidos da rua. Travamos a mandíbula a cada freada longa “Fiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii… ” Naty costuma dizer que nossa rua tem um ANJO, e após toda freada com final feliz(quando não atropela ninguém ou bate no nosso portão, como já aconteceu duas vezes) ela diz: Olha o ANJOOOO trabalhando… rs

Dia desses, quando cheguei do trabalho Naty estava sentada no chão da sala, com o notebook na mesinha e Nico “penteando” seus cabelos, sentadinho no sofá. Naty estava parecendo a Bellatrix Lestrange kkkkkkkkkkk Após mais uma freada, Nico se levantou e ficou em pé no sofá, com ajuda apenas das madeixas da mamãe. Ficamos num silêncio, Naty olhou para mim, eu olhei para ela e Nico olhou para a galinha pintadinha que rolava na tv… rs…

A partir daí, tivemos a certeza que o berço deve ser ajustado o quanto antes. Nico já se agarra em tudo e usa de alavanca para levantar e sentar, engatinhar ainda nada, ele usa a tática de “rolar”, vai rolando até o controle remoto, celular, notebook e etc… O menino causa demais! rs

PS. Se alguém souber como faço para pedir/implorar uma lombada para minha rua, de preferência na frente da minha casa, me avise, por favor.

=)

 

E vocês, já passaram por esse marco de crescimento? Ou tem alguma história engraçada para compartilhar?

 

Leia Mais

Personalidade

Será que ainda é cedo para falar de personalidade? Pode ser que sim, mas, que o danado do Nico já tem preferências sobre determinadas coisas, isso é uma verdade.

> Ele detesta por o cinto de segurança do carrinho de bebê, gosta de viver perigosamente.

> Adora tomar banho de chuveiro, só não gosta de sair do banho.

> Sempre chora para colocar a parte de cima da roupa (camisa, camiseta e macacão).

> Ri de barulhos que fazemos com a boca, quanto mais aleatórios, mais risos.

> Gosta de carro em movimento, odeia sinal vermelho.

> Acorda sempre sorrindo e logo em seguida chora.

> Quando esta com sono, esfrega as mãozinhas nos olhos.

> Quando vamos trocar a fralda, ele fica envergando o corpo(parece uma ponte) e rindo da nossa cara.

> Bate papo com  TOM CAT(app  android que repete com voz de taquara rachada, tudo que falamos).

> Não tem medo de bicho, ri da cara dos gatos e recebe lambidas do Bruce sem chorar.

> Mama feito um bezerro e bebe água feito um camelo.

> Após pegar no sono, apenas uma coisa no mundo consegue acorda-lo, Aslan, o golden retriever que vive na casa de baixo.

> Galinha Pintadinha é sua banda favorita (risos). Mas ainda não tem altura mínima para ir no show.

> Sem paciência quando esta com fome, com sono e com dor(quem não é?!).

 

Se isso não é um início de personalidade, não sei o que pode ser.

Quem tiver algo para acrescentar sobre seu pequeno, posta ai nos comentários!

Leia Mais

Cólica, por que me queres?

Como pode a cólica maltratar tanto um bebê e consequentemente, os pais desse bebê?!

Deixo aqui minha revolta contra a cólica.

Um choro pior do que choro de fome, fralda suja, dor de dente, perder o bilhete premiado da loteria…

COLICA

Além de massagem, luftal e a extinta funchicórea o que mais vocês mães/pais já tentaram para resolver esse problema chato?!

 

 

Leia Mais

Nicolas e o queixo furado

Ai está a primeira foto do meu amado filho Nicolas. Contribui com 50% do material genético e só puxou meu queixo furado… tsc tsc tsc

Nariz da mãe! Boca da mãe! Buchecha do Nhonho (acho que é pq eu gosto muito de Chaves)… só me resta o queixo e também torço pelo olho verde! rs

Nico1

Clique na foto para vê-la no tamanho normal.

Agradeço o carinho de todos!

Bjss

 

Leia Mais

Nicolas Nasceu!

Sim queridos, nasceu! Após 39 semanas e 5 dias… Nicolas veio ao mundo(Afff que noob…rs)

Com fartos, 4.520 kgs e seus 53 cm chegou aos gritos ne berçário acordando geral os pequenos que já estavam lá.

Senta, que lá vem história! rs

“Cadê o pai?” gritou a médica de plantão. Eu (já meio lesado) levantei a mão, ela gritou novamente, “CADÊ O PAI” dai lembrei que tinha que responder coma voz, pois a bendita estava na outra sala, gritei “Tô aqui!“. Entrei na sala e já tava tudo pronto, mais alguns minutos de espera, algumas interjeições de outros médicos que estavam ali vendo o parto… Coisas do tipo “Vish…” “Nossa!” … agradeci aos céus por eles estarem só assistindo, porque sem dúvida também era o primeiro parto deles…rs…

Nicolas nasceu “causando” na S.O. Gritando feito um corinthianos em semi-final de Libertadores (espero que ele seja pé quente =P)!

Um dos médicos noobs pediu para tirar foto do bebê, porque nunca havia visto um bebê tão grande. Autorizei com um sorriso de besta na cara.

Não me pergunte o que eu senti na hora H, é algo único, um misto de muita coisa, sensações, emoções e projeções.

Saúde é o que interessa… o resto não tem pressa… Issssááááá… Nicolas esta cheio disso ai! rs

O momento mais marcante(parece até o que vi da vida, do fantástico né…rs) Quando a Naty e o bebê ficaram frente a frente, ele parou de chorar, os dois rostos se encostaram, foi lindo. O bebê ficou quieto e Naty e eu chorando feito single ladies…rs

Bom, agora assunto não faltará para continuar a escrever, por hoje termino aqui, agradecendo aos que me ligaram, mandaram sms, sinal de fumaça, agradeço à todos que torceram para que desse tudo certo. Agradeço a Naty por me proporcionar esse momento inesquecível na minha vida. Aos avôs e avós que ficaram de plantão lá comigo, me apoiando e me tranquilizando. Agradeço a Deus.

 

PS. O comum é cada bebê mamar 1 mamadeira por vez, o Nicola já mandou logo duas…rs “Põem na conta do Papa!”

PS2. A Enfermeira perguntou se a Naty sofria de Diabetes Gestacional, por causa do tamanho do bebê, dissemos que não, ela retrucou “Então parabéns, vocês fizeram um tourinho!”

PS3. Quase 05:20am e eu aqui blogando!

 

=)

Leia Mais

Chá Fralda – Nicolas 05/05/2012

Naty e eu temos um péssimo(ou ótimo) defeito, não conseguimos fazer nada da maneira simples, desde a lista de convidados, até o convite on-line. Não fazemos porque nos consideramos “rycos”(sonho meu) ou melhores(pffff), nada disso, tentamos sempre fazer o melhor, por respeito e dedicação aos nossos convidados e ao nosso futuro filho.

Acreditamos que são momentos assim que fazem a vida valer a pena, chega a ser engraçado, ao final de cada festa sempre falamos “afff… olha a zona, nunca mais vamos fazer nada aqui em casa ok, ok!” chega a ser engraçado… Não vemos a hora de passar logo o chá de bebê para dar tudo certo, mas quando dá realmente tudo certo, temos vontade de enquadrar esse momento, tipo o jornal do Harry Potter, sabem? Deixar registrado cada minutinho com nossos amigos e familiares.

Resumidamente, o que era para ser um chá de bebê, tornou-se um chá fralda/festa/kinect/reunião de amigos/familiares que durou das 14h de sábado até as 04h de domingo… o resultado dessa zona imensa, foi esse:

cha_fralda_nicolas

Como esperado o que era para começar as 14h começou realmente as 15h. Galera chegando, eu tomando banho, Naty se maquiando, enfeites sendo pendurados, bexigas cheias, tortas, doces e bolo sendo organizados em pratos e  Kinect (acessório do video game Xbox360, sabia mais aqui) o bicho começou a pegar… rs… Depois foi Boliche, boxe, atletismo, corrida, salta à distancia, jogos de aventura e muito UFC *-*

Conhecemos muita gente, e (graças a deus) temos uma casa com comodos grandes, convidamos 100 pessoas, 75 delas compareceram. Ou seja, tinha tudo para dar errado, faltar comida, faltar refri, cerveja e afins, NADA disso aconteceu! Fizemos pão de metro, salgadinhos, tortas de frango, de palmito, patês com torrada, ante-pasto, tortas doces(pêssego, morango e maçã), docinhos, salgadinhos de amendoim e salgado estilo fandangos, acho que teve mais coisa, não lembro direito.

Tentei dar atenção à todos, mais quando terminou, fiquei com a sensação estranha, mas era muita gente para servir, conversar, dar risada e falar besteira… hahah. Foi ÉPICO! Sabe o que é olhar para qualquer lado da casa e ver alguém sorrindo, conversando, gargalhando, conhecendo pessoas novas, revendo amigos… parei e pensei “é este o ambiente que eu quero para o meu filho”.

Tirei poucas fotos(falha minha), mas tenho certeza de que as pessoas que estavam reunidas ali, se lembrarão desse chá fralda por muito tempo… assim como Naty, Nicolas e eu, nos lembraremos de como somos amados por tantas pessoas diferentes e o Nicolas, antes mesmo de ter nascido.

Tentamos fazer o melhor para você filho, pode não ter sido(respeito a opinião de cada um), mas foi objetivo! Espero que você tenha gostado do seu Chá de bebê, que não teve chá e ainda por cima o bebê não havia nascido. Agradeço aos que puderam comparecer nesse dia tão marcante e importante. Vida longa e próspera!

Antes de terminar o post, preciso dar agradecimentos especiais as pessoas que ajudaram MUITO nesse dia tão especial: Cláudio, Dinho, Doug, Ezildinha, Karen, Lucas, Marcelo, Monique, Renata, Rita, Roberta, Roberto, Robson, Rosa e Tiago.

(Fiz em ordem alfabética para evitar qualquer tipo de descontentamento, todos foram importantes a sua maneira, e cada um de vocês sabem da nossa gratidão particular por tudo que vocês fizeram e continuam fazendo).

Bjss

 Para os que foram e sairam falando merda/mal, deixo apenas um recado >  faça melhor! #bjsmeliga #morrediabo #saiinveja #trolololololo

Leia Mais