Hemograma, fezes e urina

Se você leu o o título e já torceu o nariz, você nunca trocou uma fralda! kkkkkkkkkkkkk 

A pediatra solicitou exames de rotina para o Nico. Como um pai prestativo e muito correto, fiquei quase três meses com os papéis e não fiz os exames, “já é quase novembro, tem o feriado aí, o Nico esta bem, os exames são apenas para rotina e tal…“.

Após o ano novo, por sinal, FELIZ ANO NOVOOOOOOO MEUS QUERIDOS(AS) ^.^, não tinha mais nenhuma desculpa para não fazer os exames. Decidi então marcar os benditos e encarar o temido JEJUM. Oito horas de absoluto jejum, foi o que a enfermeira me orientou. Nico ainda não dorme nos horários convencionais, já fiz de tudo, rotina, música, poema e nada funcionou, enfim, Naty virou a noite com o Nico com fome e irritado, e eu encarei os exames no dia seguinte.

Eu tinha pesquisado em casa, que o jejum poderia ser feito apenas por 6h ou um pouco menos, por se tratar de um bebê. Oito horas de jejum são para exames específicos, além de ser desumano com um bebê que mama no peito.

Chegando no hospital, fomos rapidamente atendidos. Nico estava tentando furtar a mamadeira que estava dentro de sua bolsa, o bichinho estava faminto. Brinquei com a atendente dizendo “será que vai demorar para fazer o exame de sangue? Porque já já ele vai conseguir pegar a mamadeira da bolsa”, após rir ela me falou “pode dar o mama para ele, tem problema não… hemograma não necessita de jejum”, respondi “na dúvida, ele ficará em jejum até fazer o exame, vai que o procedimento muda até eu entrar na sala”, até o Nico riu.

Após o Nico fazer amizade com duas crianças que estavam na sala de espera, oferecer bolacha ou “lacha” como ele diz, para todas elas, fomos chamados. *No fim do texto conto o que aconteceu nessa hora… rsrs.

Já havia colhido as fezes em casa e colocado na porta da geladeira, clássico! Então só era necessário recolher a urina e o sangue.

Pensava que a urina era recolhida da maneira mais impossível, bebê sem roupa e pai ou mãe com o potinho aberto aguardando o momento do xixi, mas não foi bem assim não, graças a deus kkkkkkkkk Após limpar o pintinho do bebê, eles colocam um saquinho que encaixa no bilauzinho. Super prático e a fralda ainda ajuda a segurar.

Paediatric_Urine_Bag

Saindo da sala dei um combo líquido no Nico, mamadeira, água e suco! Em dez minutos saímos do hospital com tudo coletado e sem fome. Passamos no sacolão, compramos as frutas que o Nico mais gosta e comemos pastel. Chegando em casa ele ficou me mostrando sua cicatriz de guerra, o pequeno furo que a enfermeira fez em seu braço para coletar o sangue. Que por sinal foi em um minuto, segundo a moça, Nico tem ótimos veias. kkkkkkkkk

Nico e o suco de laranja

Um sufoco! Mas que esta no pacote da paternidade.

 

*Só para compartilhar um momento hilário com vocês. Minha sogra “viciou” o Nico em bolachas que tem mais sal e sódio do que qualquer outra coisa, como medida de segurança, proibimos as “lachas” salgadas e/ou com recheio, ele ainda é muito novo para comer essas merdas. Nós ganhamos uma bolacha natural (menos pior que as anteriores), com gergelim, cereais, sem sódio e etc. No dia do exame, essas bolachas que estavam na bolsa. Nico ofereceu/distribuiu para as crianças, que após a primeira mordida entregaram para os pais dizendo em alto e bom som “que bolacha ruim, gostei não… ecaaa” kkkkkkkkkkkkkkk Os pais me olharam sem graça e eu apenas sorri, para não gargalhar, ohhh saia justa! 

E vocês!? Já fizeram esses tipos de exames com seus filhotes?

 

Bjss e boa semana!

Leia Mais

A zueira never ends

Queridos(as) leitores, boa tarde! Eu voltei e a ZUEIRA veio junto. Antes de começar a escrever qualquer coisa, gostaria de mostrar a cara de sapeca do Nico.

Nicolas

Agora voltando ao assunto… esse menino está zueiro demais. Com 1 ano e 4 meses, ele esta andando “like a boss” e  querendo muito falar. Atualmente ele faz apenas citações de autores desconhecidos, na língua dos bebês. Tenho muito o que contar, em todo esse tempo que fiquei fora (TCC), mas farei isso em partes.

Hoje vou contar uma das minhas aventuras de pai. Já comecei a passar vergonha e pagar a língua. Sabe aquela mania que temos de julgar sem saber/conhecer do assunto e etc… então, essa mesmo. Quando saía para comer fora, detestava ser encarado por crianças, bebês e etc, com aquelas carinhas de “famintos sacos sem fundo”, sempre dizia “Pais são noção, não vê que a criança está encarando, poxa. Vira ela para lá…” Pois é, pois é… isso não é tão fácil como parece!

Nesse dia em especial, era dia das crianças. Havíamos saído com nossa afilhada e com os avós do Nico, para comemorar a volta de uma viagem de férias. Fomos a um mercado, que possui praça de alimentação, comemos lá, nos divertimos, conversamos e matamos a saudade. Todos satisfeitos! Menos Naty e minha afilhada, que queriam um sorvete. Fomos a um Mc próximo de nossa casa. Chegando lá, comprei um sorvete para cada uma delas, mirrado e sofrido, como qualquer sorvete do Mc. Comprei uma tortinha para mim e o Nico serrou um pedaço de tudo que havia comprado… MAS não satisfeito ele virou e começou a encarar a moça e apontar para a batatinha.

Sério gente, eu estava de frente para a moça e seu namorado, o mano tinha uma cara de poucos amigos, devia ser fome kkkkkkkkk Já a moça foi super simpática com o Nico, deu a batatinha para ele, que não hesitou em enfiá-la na sua boca trituradora. Quando ele tentou pedir mais, fomos embora kkkkkkkk A moça ainda falou “Está com fome, bebê?” Mal sabe ela, que ele já havia devorado uns frangos fritos, algumas batatinhas e parte de um strogonoff de frango.

São aventuras que acontecem e devemos estar preparados, ou não. Já passaram por isso?

Bjs

Leia Mais

Primeiro Aniversário do Nicolas – Um ano especial

Queridos(as), há um ano eu escrevi o post abaixo, informando aos leitores, amigos e familiares, que Nicolas havia nascido, vou reler o post com algumas observações. Espero que vocês me acompanhem!!!

20/06/2012

Sim queridos, nasceu! Após 39 semanas e 5 dias… Nicolas veio ao mundo(Afff que noob…rs)

Com fartos, 4.520 kgs e seus 53 cm chegou aos gritos no berçário acordando os pequenos que já estavam lá.

Ele continua noob, com bônus em choro, manha, baba e fazer xixi na hora que estamos trocando a fralda. Atualmente com 9 kgs e mais de 75cm. Engatinhando profissionalmente e já tentando uns passinhos. Quando pequenino, colocava MPB para ele ouvir, na hora de dormir, cantava para ele, hoje em dia ele prefere música mais agitadas e quase me ajuda a cantar…

Senta, que lá vem história! rs

“Cadê o pai?” gritou a médica de plantão. Eu (já meio lesado) levantei a mão, ela gritou novamente, “CADÊ O PAI” dai lembrei que tinha que responder coma voz, pois a bendita estava na outra sala, gritei “Tô aqui!“. Entrei na sala e já tava tudo pronto, mais alguns minutos de espera, algumas interjeições de outros médicos que estavam ali vendo o parto… Coisas do tipo “Vish…” “Nossa!” … agradeci aos céus por eles estarem só assistindo, porque sem dúvida também era o primeiro parto deles…rs…

Cadê o pai? O pai esta aqui! Trocando fralda, levando no pediatra, para o matadouro ( vacina… rs ), começando a educa-lo ( ele tá com mania de querer morder quando fica bravo… posso com isso??? rs ). Nesse instante estou com ele aqui do meu lado, dando palpites no meu texto, ao som de galinha pintadinha volume 3… sim quase 2am e ele ligadão… normal ( para ele e não para nós…rs ).

Nicolas nasceu “causando” na S.O. Gritando feito um corinthianos em semi-final de Libertadores (espero que ele seja pé quente =P)!

Sim, ele é pé quente, Timão campeão da Libertadores, do Mundial de Clubes e do Paulistão… esse se não for corinthiano, só pode ser mentira! Além de ser pé quente no futebol, comemora seu 1º aniversário junto com a democracia, o povo, as manifestações e no mesmo dia em que o povo venceu o braço de ferro contra as prefeituras que aumentaram as passagens de transporte público. Uma luz no fim do túnel, nossa geração lutando pelo bem estar da geração do Nicolas e de todos que com ele vão colher os frutos que nos estamos plantando. Um exemplo que nossos filhos, sobrinhos e netos devem seguir, sair às ruas, pacificamente, mas, seguros de que estamos lutando por algo que nos é de direito. Entre as frases desses manifestos a que mais falou comigo foi a seguinte: “Enfim o Brasil muda de status: de “Deitado eternamente em berço esplêndido”, para: “Verás que um filho teu não foge à luta”.”

Um dos médicos noobs pediu para tirar foto do bebê, porque nunca havia visto um bebê tão grande. Autorizei com um sorriso de besta na cara.

Não me pergunte o que eu senti na hora H, é algo único, um misto de muita coisa, sensações, emoções e projeções.

Continua sendo difícil descrever a paternidade, é uma salada mista de sentimentos, emoções, eventos, experiências e muito amor. Nicolas parece que desde a primeira foto, continua fotogênico ( sim, sou pai dele e posso puxar o saco o quanto eu quiser kkkkk ) Para quem quiser se apaixonar ( visssh peguei pesado agora kkk ) acessa ai @bbonfimm ( no instagram ou se preferir… http://www.iphoneogram.com/u/192327966 ).

Saúde é o que interessa… o resto não tem pressa… Issssááááá… Nicolas esta cheio disso ai! rs

Apenas alguns resfriados e mais nada de doenças, vacinas em dia… tudo na paz!!! Por falar nisso, amanhã ele tomará as vacinas de 1 ano kkkkkkkk tá ferrado! rs

O momento mais marcante(parece até o que vi da vida, do fantástico né…rs) Quando a Naty e o bebê ficaram frente a frente, ele parou de chorar, os dois rostos se encostaram, foi lindo. O bebê ficou quieto e Naty e eu chorando feito single ladies…rs Bom, agora assunto não faltará para continuar a escrever, por hoje termino aqui, agradecendo aos que me ligaram, mandaram sms, sinal de fumaça, agradeço à todos que torceram para que desse tudo certo. Agradeço a Naty por me proporcionar esse momento inesquecível na minha vida. Aos avôs e avós que ficaram de plantão lá comigo, me apoiando e me tranquilizando. Agradeço a Deus.

Os avôs e avós continuam mimando, presenteando e fazendo de tudo pelo Nico, meu grato e eterno agradecimento, sei que palavras nunca pagarão tudo o que vocês fizeram e fazem por nós. <3

Padrinho e Madrinha, sem palavras…

Tios, tias e amigos sempre que possível também estão juntos conosco, participando do desenvolvimento do Nicolas.

PS. O comum é cada bebê mamar 1 mamadeira por vez, o Nicola já mandou logo duas…rs “Põem na conta do Papa!”

Sim, ele continua comendo MUITO e de tudo. Fruta, macarrão, arroz, carne, pão, leite materno e etc… o menino é um saco sem fundo kkkkkkkkkkk

PS2. A Enfermeira perguntou se a Naty sofria de Diabetes Gestacional, por causa do tamanho do bebê, dissemos que não, ela retrucou “Então parabéns, vocês fizeram um tourinho!”

Ele cresceu muito, é bem alto, mas não é gordo… só tem uma pancinha, tipo aquelas de chopps… Mais ou menos isso!!! rs

PS3. Quase 05:20am e eu aqui blogando!

Quase 4h e eu aqui outra vez!!! rs

Obrigado Nicolas por fazer deste ano, um ano especial, inesquecível e realizador. Obrigado meu filho, pela oportunidade de ser seu pai. Te amo mais do que a mim mesmo. Te amo.

=D

Leia Mais

Atualizações Rapidinhas #1

Atualização blaster master mega super rápida das novidades:

 

> Nico esta quaaaaaaaaase engatinhando.

> Os 2 dentes de cima estão visíveis.

> Ele começou a falar “Mâmâmâmâ” quando ele quer a mãe dele… rs

> Descobrimos que ele gosta MUITO de música, qualquer desenho que ele assiste se tiver música prende a atenção dele, caso contrário, ele prefere enfiar o dedo no nariz(nova mania dele) ou apontar os pontinhos pretos que tem em seu carrinho de joaninha.

> Está com 73 cm e pesando quase 8,5 quilos. Mês que vem teremos que trocar a cadeirinha do carro ( MEEEEEEEEEERDA ¬¬).

> Em sua última visita à pediatra, ele chorou e pediu colo para ela, sim para a médica, ficou 5 minutos  pelado no colo da doutora… rs

> Há uns 15 dias, teve uma gripe fudida forte, muita febre, tosse, mas já está 100%. Obrigado aos padrinhos pela força que nos deram nesse final de semana interminável. Ai que está a importância de padrinhos presentes na vida do seu bebê.

> Ele esta aprendendo a interagir com 2 ou mais brinquedos, tipo colocar um brinquedo dentro do outro e balançar, ou usar um brinquedo para bater em outro.

> Estamos iniciando a batalha para organizar seu horário, sendo assim, não sairemos de casa pelo próximo milênio… hahaha… Pelo menos pelo próximo mês, vamos tentar manter a rotina com poucas mudanças, para ver se dá jeito em nosso Corujinha… rs 

> ELE AMA os gatos, foram eles os responsáveis por fazer o Nico querer engatinhar, Naty e eu gritando, jogando brinquedos, fazendo malabares, pirofagia e etc… nada ele dava atenção, dai um gato passava correndo em cima da cama, ele “corria” atrás… rs… Coitado dos gatos quando ele aprender a andar MUAHAHAHAHA.

> Estamos começando a planejar seu aniversário de 1 ano… Vou me sentir os meus pais falando isso, mas enfim… COMO PASSA RÁPIDOOOOOOO ( isso é realmente verdade! Aproveitem ao máximo, igual fizemos, fiz tanto isso que nem o TCC que tenho que entregar em 2 meses comecei a fazer ainda… to fufu!).

 

Um excelente feriadão para todos os pais e mães de plantão! Aproveitem para dormir até tarde(se o pimpolho deixar… é claro) e depois dar aquele rolê no parque, comer fora de casa, sei lá, saia da rotina!

Bjss

 

=D

Leia Mais

Febre, cama e correria

resfriado

Gente, eu não morri não hahaha. Mas semana passada + este Final de semana foram TENSO DEMAIS!

Febre, gripe, dor no corpo, corisa, dai quando estava melhorando, começou tudo novamente, só que pior e com o Nico =X

E quando ele estava melhorando, começou tudo outra vez, só que pior ainda…. mas com a Naty kkkkkkkkkkkkkkkk

#VDM

 

Desculpe a ausência mas não lembrava nem meu nome de tanta dor no corpo, quando mais o login do blog kkkkkkkkkkkkkkk

Logo menos volto “a milhão” nas postagens!

Bjss

 

Leia Mais

Os dentinhos e o início da subjetividade

Os benditos dentes de cima estão nascendo! GOD HELP US! hahaha Os da banguela de baixo, já nasceram e estão mais afiados do que nossa faca de churrasco… Somado a malícia do Nico de TUDO que põem na boca empurra para a parte de baixo da gengiva… Já pegou meu dedo para valer mesmo umas duas vezes… corta mais do que serra aqueles par de dentes. Dobro meu dedo e coloco na boca dele para medir a força da mordida… parece um pit bull galera kkkkkkkkkkkk

Os mordedores até choram quando estão na mão do Nico, e o garoto é a paciência em pessoa(sóquenão), quando dá chilique tenta morder o pai, a mãe, o tetê… até a avó já tentou morder… rs… É engraçado que com a mordida vem um gritinho tipo gladiador ” aaaaaaaaahhhhhhhh” e uma cara ameaçadora. Creio que ele puxou duas peculiaridades(para não dizer defeitos…rs) que Naty e eu temos, mal humor quando se está com fome e sono, respectivamente. Ou seja, estamos fudidos e vamos pagar pelo que fizemos à nossos pais… kkkkkkkkkk Creio que muitos dos pais e mães que leem este blog, devem estar rindo agora, porque sabem que é verdade, cuspir para cima é perigoso e quase sempre volta.

Outra novidade é o BEIJO, sim, agora ele manda beijo, mesmo sem saber o que é beijo, fala alto com ele, beijo, fala baixo, beijo também, ele vê galinha pintadinha = BEIJOS E MAIS BEIJOS… rs… menino vai ser impossível na beijação kkkkkkkkkk

Para comer agora é complicado, ele parece uma maquininha de triturar legumes e frutas, colherada atrás de colherada, se parar ouvimos berros, sorte que ele ainda é pequeno, senão já tomaria uns esculachos por não ter um pingo de paciência… é sério, acabou a papinha? A fruta tem que estar do lado, acabou a fruta, a bendita água deve estar perto, acabou tudo, alguns minutinhos de manha, e depois felicidade eterna(até a próxima refeição kkkkkkkkkk).

Já esta começando a entender o NÃO, só que não dá a mínima quando o ouve… rs … Nomeou a sua madrinha de “DADADA”, e continua falando TETA esporadicamente e agora conversa com seus brinquedos e com os gatos, está começando a voltar a dar trabalho para dormir, mas isso é culpa de seus pais que nos finais de semana ferram com sua rotina… faz parte né… e assim a construção subjetiva continua.

 

Ahhhhhhhhh tenho que fazer 2 posts que estou devendo, Nico na piscina e O Batizado do Nico… logo menos está pitando por ai, continue lendo e compartilhando o Aventura Paterna!

Comenta ai, quem mais tem filho(a) beijoqueiro(a) e olho gordo?! hahaha

Bom final de semana para todos!

 

Leia Mais

Queridos, cheguei!

Saímos do Hospital Salvalus (dedicarei um post apenas para falar das boas e péssimas experiências vividas nessa maternidade) sexta-feira às 23:15h +/- Nunca havia dirigido um carro com um bebê na cadeirinha, ainda mais o meu bebê! Então fui a 60 km/h. Ou seja, após passar em 3 farmácias(próx. uma das outras) para pesquisar preço e comprar os medicamentos da Naty e do Bebê, cheguamos em casa por volta da 1h.

Nico mamou dentro do carro, domiu e resmungou, mas só com o carro parado, pelo visto já é um José Gasolina, curtiu a viagem para casa. Chegando próximo ao meu bairro, fui apresentando os “pontos turísticos” para ele, das favelas próximas até as padarias…rs… Naty foi segurando a barriguinha para não estourar os pontos de tanto rir…rs Pérola dos tipo “Filho, aqui é a favela do Pó, spot(local) 18+” ahuuhahuaUHaUHuhAhua

Chegamos em casa e organizamos as coisas que não lembramos de organizar antes, a primeira noite (como as seguintes) foram tranquilas,  ele acorda apenas 1x por noite para mamar e trocar fralda. Quando acorda e não tem porque chorar, fica no berço “de boa na lagoa” … curioso e preguiçoso… sempre atento a coisas novas e em prontidão à uma soneca esperta! rs

O dia mais difiícil, foi quando ele recebeu visita, quando a galera foi embora ele demorou quase 4h para dormir… foi tenso! Acho que ele estranhou a bagunça, o barulho, e as mudanças de horário de mamar e tal. Quem mandou ser querido por tantas pessoas?! hahaha

Só para constar, as avós e os avôs estão ajudando MUITOOOOOO… sem palavras para agradecer!

Curta o blog para receber mais posts. Abss

Leia Mais

Nicolas e o queixo furado

Ai está a primeira foto do meu amado filho Nicolas. Contribui com 50% do material genético e só puxou meu queixo furado… tsc tsc tsc

Nariz da mãe! Boca da mãe! Buchecha do Nhonho (acho que é pq eu gosto muito de Chaves)… só me resta o queixo e também torço pelo olho verde! rs

Nico1

Clique na foto para vê-la no tamanho normal.

Agradeço o carinho de todos!

Bjss

 

Leia Mais

Nicolas Nasceu!

Sim queridos, nasceu! Após 39 semanas e 5 dias… Nicolas veio ao mundo(Afff que noob…rs)

Com fartos, 4.520 kgs e seus 53 cm chegou aos gritos ne berçário acordando geral os pequenos que já estavam lá.

Senta, que lá vem história! rs

“Cadê o pai?” gritou a médica de plantão. Eu (já meio lesado) levantei a mão, ela gritou novamente, “CADÊ O PAI” dai lembrei que tinha que responder coma voz, pois a bendita estava na outra sala, gritei “Tô aqui!“. Entrei na sala e já tava tudo pronto, mais alguns minutos de espera, algumas interjeições de outros médicos que estavam ali vendo o parto… Coisas do tipo “Vish…” “Nossa!” … agradeci aos céus por eles estarem só assistindo, porque sem dúvida também era o primeiro parto deles…rs…

Nicolas nasceu “causando” na S.O. Gritando feito um corinthianos em semi-final de Libertadores (espero que ele seja pé quente =P)!

Um dos médicos noobs pediu para tirar foto do bebê, porque nunca havia visto um bebê tão grande. Autorizei com um sorriso de besta na cara.

Não me pergunte o que eu senti na hora H, é algo único, um misto de muita coisa, sensações, emoções e projeções.

Saúde é o que interessa… o resto não tem pressa… Issssááááá… Nicolas esta cheio disso ai! rs

O momento mais marcante(parece até o que vi da vida, do fantástico né…rs) Quando a Naty e o bebê ficaram frente a frente, ele parou de chorar, os dois rostos se encostaram, foi lindo. O bebê ficou quieto e Naty e eu chorando feito single ladies…rs

Bom, agora assunto não faltará para continuar a escrever, por hoje termino aqui, agradecendo aos que me ligaram, mandaram sms, sinal de fumaça, agradeço à todos que torceram para que desse tudo certo. Agradeço a Naty por me proporcionar esse momento inesquecível na minha vida. Aos avôs e avós que ficaram de plantão lá comigo, me apoiando e me tranquilizando. Agradeço a Deus.

 

PS. O comum é cada bebê mamar 1 mamadeira por vez, o Nicola já mandou logo duas…rs “Põem na conta do Papa!”

PS2. A Enfermeira perguntou se a Naty sofria de Diabetes Gestacional, por causa do tamanho do bebê, dissemos que não, ela retrucou “Então parabéns, vocês fizeram um tourinho!”

PS3. Quase 05:20am e eu aqui blogando!

 

=)

Leia Mais

Que providência tomar?

Naty e eu conversamos ontem vários assuntos, adoro jantar na mesa, sem tv ou afins, faz bem para nós, nos mantém em sintonia. Vou compartilhar com vocês uma síntese/interpretação/viagem, com base em uma música do Lenine, dos temas tratados no jantar.

Acordei inspirado hoje(acho que é porque assisti Carrossel ontem huAUHahUuhahuaHUA), ou não.

Julguem vocês!

Abraços.

***

O não querer saber é mais cruel do que o não saber. Pois, existe uma consciência de saber o que não se deseja. Mas, na verdade, sabemos o que não queremos, apenas não pegamos, seguramos, apalpamos ou medimos. Chega estar tão perto que não conseguimos ver. Sabe a sensação de colocar a palma da mão bem próxima aos olhos e conseguir enxergar por ela? Neste momento vemos o que não queríamos ver, e assim é a vida.

A decisão tomada de ficar só, permanecer inteiro, sem divisão emocional, a segurança de ser completo… Começo a rir sozinho, apenas pela sensação de estar só, mas, sorrio de tristeza, não me vejo mais só, menos ainda completo, a cada dia me monto, com um quebra-cabeça de mil peças, as bordas são fáceis de identificar, porém, o interior, o recheio, ali dentro no miolo, quem me dera saber de algo.

A falta nos completa, o paradoxo é nosso ursinho de pelúcia, abraçamos a solidão, um travesseiro de visco elástico, apertamos e apertamos para fazê-lo sumir, ele aparenta estar menor, mas, quando olhamos novamente, está inteiro. A falta e a solidão são completas, o que é a solidão, se não a falta de alguém, a falta de conjunto, de um grito que seja, a falta de demandar.

Mas essa dor, não me entristece. O que me faz temer é a palma da mão que não vejo, está ali, mas não enxergo, não apalpo. Não seguro nem meço. Isso me faz falta.

Foi! Passou e não vi, cadê? Perco-me no não saber e me acho no aviso, no conselho, no saber do outro. E como ficará a minha geração? O saber do outro agora é meu e devo passá-lo adiante. Mas o filtro, para que o que vejo como impuro não se perpetue, não recomece no meu fim. E o que é impuro? Mais uma vez sorrio…

Foi! Bem quietinho, distraído e calado. O amor se foi? Mas a falta permanece, cruel não é? O que faço dessa vida? Vendo-a? Devolvo-a para a loja? Processo no tribunal de pequenas causas? Minha causa será realmente pequena? Risos aparecem em minha face, mas agora de ironia, se fosse fácil assim o mundo não pressentiria seu fim, aflito e só. Mais uma vez o bendito não saber ou não querer saber aparece, sorri e se vai. Tudo se vai, porém, algo sempre permanece. Resta ansiedade de um chegar, alguém chegará para mudar o mundo, o meu mundo, tirará meu chão, não para me ver cair, mas para me ensinar que não sou completo, sou parte, faço parte, monto partes.

O cheiro do amanhã se iniciará em breve, cheirinho de carro novo, livro novo ou velho, o cheiro do novo. O cheiro fica pelo ar, fica o medo de ficar e o vazio preenche o espaço restante. O amor voltou, continuou calado, me maltratando, completando-me, deixando a solidão sem medida.

Mais uma vez eu sorri!

 

 Livre interpretação da música “A medida da Paixão” de Lenine.

Leia Mais